EA games lança jogo de MMA que se destaca pelo gráfico

Category : aplicativo, Comunicação Digital, game, tecnologia/inovação

Por Fastcom*

 

EA Sports UFC 1

 

A  tecnologia, com recursos cada vez mais avançados, possibilitou grandes inovações no mundo dos games. Mais reais e com design contemporâneo, se tornam mais atrativos para o público. Para os amantes de games e tecnologia que ansiavam pelo novo jogo de MMA em parceria com Eletronic Arts, produtora de games como Fifa, finalmente o jogo foi lançado na semana passada, dia 17 de junho.

Denominado EA Sports UFC, o jogo é baseado no reality show The Ultimate Fighter, sendo grande atração para PlayStation 4 e Xbox One. Para quem gosta de lutas marciais, é possível viver a experiência dos lutadores por meio do game com o modo carreira. Com opções de criar um lutador, personalizar, fazer treinamentos na academia, conseguir patrocinadores, para desta forma, chegar as principais plataformas do UFC com um contrato, disputar competições, construir carreira de sucesso e até tem a possibilidade de ganhar o cinturão da categoria.

Além do modo carreira, há o modo online que permite traçar uma carreira em busca de recordes e ter acessos a posicionamentos e vitórias de outras pessoas. Nos campeonatos os lutadores têm que conquistar lutas, como se fosse fases, para tentar adquirir o cinturão. Também há a possibilidade de desafiar um amigo ou disputar com jogadores aleatórios do mundo.

O gráfico do jogo é de ponta, mais nítido e sofisticado. Conta com presença dos grandes astros do octógono, incluindo lendas como Royce Gracie e Bruce Lee. A aparência dos personagens foi tratada com bastante cuidado e se mantém fiel às características dos lutadores, assim como cortes de cabelo, tatuagens, cicatrizes e expressões. Até as músicas de entrada permaneceram as mesmas. Confira o vídeo!

O lançamento teve grande repercussão nas redes sociais, se falou tantos dos bugs que o jogo enfrenta como a demora em receber o golpe, quanto do destaque do gráfico como um dos mais belos da história. O game já está disponível na maioria das lojas e varia de R$199 a R$250.

Fonte: FastCom
Fonte imagens: EA Sports

 

Game of Thrones nas redes sociais

Category : cibercultura, monitoramento, tecnologia/inovação

Por Marcia Ceschini*

O site TecMundo fez um post sobre as menções de Game of Thrones nas redes sociais. Segundo o site, a empresa R18 monitorou as menções à série através da sua ferramenta AirStrip, e o resultado foi que 257 milhões de pessoas postaram mais de 480 mil mensagens durante as apresentações dos episódios nessa temporada que acabou.

A média é de quase 3 post/ usuário e o horário das postagens que é alto durante quase todo o dia, aumenta ainda mais a partir das 17h00, com picos às 22h00 horário do seriado no Brasil e os assuntos mais comentados são sobre o Diretor, os livros e spoilers, como não poderia deixar de ser.

O monitoramento e o infográfico foram muito bem feitos e traçam o perfil do usuário fã que usa o Twitter como principal mídia social para comentar a série. Esse levantamento só confirma o hábito crescente da segunda tela e reafirma o uso do Twitter para esse fim. Do total de usuários, 62% tweeta enquanto vê os episódios. A dupla segunda tela e twitter tem se repetido firmemente também nas tranmissões dos jogos.

Mas confira todo o monitoramento no site do TecMundo e favorite o infográfico. Vale a pena!

Marcia Ceschini – Especialista em Gerenciamento de Marketing, Coordenadora de Projetos Digitais na WSI Consultores, Idealizadora e Gestora do Papos na Rede.

Diga adeus às pizzas despedaçadas

Category : tecnologia/inovação

Por Fastcom*

Vamos combinar que um dos melhores programinhas de coisas para se fazer a noite, é juntar os amigos, comer uma pizza bem gostosa e jogar conversa fora acompanhada de muita risada. Em contrapartida, o que estraga com toda essa alegria com certeza é quando a pizza chega praticamente despedaçada, com sabores misturados. Estraga todo o clima!

Após perceber nitidamente esse problema desagradável por meio de inúmeras reclamações em redes sociais, como Instagram – a Domino’s percebeu a necessidade de tomar uma atitude diante dessa situação. E olha, ela se saiu muito bem. Superinovou no jeito de entregar a pizza, fazendo com que ela chegue perfeita na sua casa.

A solução desse problema tem como nome Steady Pizza, nada mais é que um mecanismo de estabilização que faz com que a pizza não se mexa durante todo o percurso feito com a moto.

Entenda como funciona o Steady Pizza

 

Por meio do princípio físico do equilíbrio por compensação de pesos, duas esferas trabalham juntas em eixos diferentes e pêndulos compensam os movimentos da moto, dessa forma, a pizza permanece intacta durante todo o trajeto mesmo com os desníveis de algumas ruas, curvas e quebra-molas. Para você entender melhor, dá uma conferida no vídeo que foi disponibilizado no site Steady Pizza

Essa superideia já está sendo implantada em diversas lojas no Rio de Janeiro e a previsão é de que até o final do ano esteja o Steady Pizza esteja nas lojas da Domino’s em São Paulo. Uma certeza podemos ter: essa nova maneira de entrega foi um tiro certeiro, vai que a moda pega?

Em busca da pizza perfeita, marcas fazem de tudo para atender às necessidades dos consumidores

Se você acha que somente a Domino’s se preocupa com o bem-estar de os seus clientes, você está enganado! Separamos mais dois exemplos que se encaixam nesta busca da “pizza perfeita”.

Pizza Hut

Já pensou em montar sua própria pizza, sem a ajuda do garçom e sem colocar a mão na massa? A Pizza Hut teve essa ideia superbacana de colocar uma mesa digital onde você monta o seu pedido, podendo escolher tamanho da pizza, tipo de borda, sabores e acompanhamentos. Além disso, a mesa digital ainda inclui a opção de escolher a forma de pagamento e enquanto você aguarda seu pedido ficar pronto, tem alguns jogos disponíveis para entretenimento. Dá uma olhada:

 


The Table Box

Sabe quando você compra pizza e metade da mesa é ocupada só pela caixa? Pois é, pensando nisso, Andrew DePascale e Marcello Mandreucci criaram a “Mesa de Caixa” – nome original The Table Box – nada mais é que uma caixa de pizza normal que contém algumas dobras que quando encaixadas, elevam a caixa. Para entender melhor, veja a foto:

caixa pizza

 

FastCom - Agência de Marketing Digital
Imagem: Slate

Ferramenta analisa o movimento do consumidor na loja e melhora a perfomance de venda

Category : atendimento/consumidor, comportamento, monitoramento, tecnologia/inovação

Por Marcia Ceschini*

A Heatmaper, startup que desenvolveu uma plataforma de geração de insights para analisar o perfil e comportamento de consumidores nas lojas físicas foi a vencedora do ProXXIma Startup 2014 no dia 06 de maio. A empresa concorria com seis startups do universo da comunicação digital  e sua ideia ganhou o prêmio principal de R$ 20 mil.

O uso do Heatmaper, um serviço na nuvem, analisa vídeos gravados por câmeras para revelar insights do comportamento dos consumidores. Através de um mapa de calor emitido nas imagens, é possível entender como os consumidores se comportam analisando visualmente seus movimentos.

cores

As cores mais frias representam menor atividade dos consumidores, já as mais quentes, maior atividade. Pode se dizer que foram usados conhecimentos de neuromarketing para captar as imagens e um bom conhecimento de psicologia do consumidor para analisá-las.

 

mapa loja
Esta plataforma permite destacar  regiões de melhor potencial dentro do estabelecimento,otimizar o fluxo da loja, descobrir áreas com menos veiculação de pessoas e posicionar melhor os produtos.  Tem tudo para ser uma grande ajuda nas lojas.

Marcia Ceschini – Especialista em Gerenciamento de Marketing, Coordenadora de Projetos Digitais na WSI Consultores, Idealizadora e Gestora do Papos na Rede.

Finder, nova ferramenta de busca em social media

Category : comportamento, Comunicação Digital, monitoramento, tecnologia/inovação

Por Marcia Ceschini*

Finder

 

 

Fomos contatados pelo pessoal da Buzzoole , uma startup da Itália para conhecermos sua nova ferramenta de busca, o Finder, uma nova plataforma IEO (engine optimization Influence), cujo software que identifica entre todos os usuários que têm um melhor resultado com base em determinados parâmetros de busca.

O Finder Buzzoole, foi lançado recentemente é baseado em uma pesquisa avançada, cujo filtro pode ser feito em temas específicos de interesse e nacionalidade e permite identificar os perfis online mais influentes entre 2 bilhões de usuários . A ferramenta de  pesquisa na web  agrega todos os perfis do usuário no Facebook, Twitter , blogs e sites pessoais , classificando-os de acordo com o público alvo do tema específico escolhido.

O Finder  permite às empresas identificar quais são os usuários experientes em uma área com o maior número de seguidores / amigos , que reconhecem  sua influência sobre o assunto específico ou o veem como advogado da marca.

Além disso, o  resultado da pesquisa de Buzzoole permite à marca a oportunidade de se comunicar e interagir com os formadores de opinião , gerando buzz e boca a boca digital , capaz de influenciar o comportamento de compra dos usuários e gerar sentimento positivo, além de otimizar a sua presença online, descobrir quais os tópicos a marca é influente, contato com empresas interessadas em  seus produtos e serviços.

Interessados em fazer um trial com a ferramenta, basta se registrar no Finder e escrever um artigo sobre o buscador. No artigo deve ser colocado o código “vTlYgQMe2y” !

* Texto baseado em assessoria de imprensa

Marcia Ceschini – Especialista em Gerenciamento de Marketing, Coordenadora de Projetos Digitais na WSI Consultores, Idealizadora e Gestora do Papos na Rede.

Social media para uso do bem

Category : cibercultura, Comunicação Digital, crowdsourcing, mídias sociais, tecnologia/inovação

Confessa que assim como todo mundo que viu, você se emocionou ao ver o vídeo do ursinho Elo do Hospital Amaral Carvalho. A ideia sensacional foi criada pelo HAC - Hospital Amaral Carvalho em parceria com a FOM, fabricante de travesseiros e brinquedos antiatlérgicos. O objetivo era aproximar as crianças internadas, que não podem manter contato devido à baixa resistência, com pessoas do seu convívio pessoal via WhatsApp.

Segundo o site do HAC, os ursinhos foram fabricados em tecido especial e o processo todo de gravação e envio da mensagem de voz é feito com um dispositivo com tecnologia semelhante a um aparelho celular  para receber mensagens. Foram desenhadas caixas de som específicas para funcionarem no interior dos ursinhos. Um mecanismo liga a mão dos “Elos” ao dispositivo, liberando mensagens armazenadas. As mensagens são enviadas para uma central e gerenciadas por um profissional do hospital, que as envia para os ursinhos destinatários. As mensagens podem ser atualizadas a todo momento e ficam à disposição da criança para a próxima vez que decidir apertar a mão do seu ursinho para ouví-las. Basta a saudade apertar que as pessoas amadas, familiares e amigos, estão a um toque na mão do ursinho e eles ouvem a voz da pessoa querida!

Se ainda não viu, confira o vídeo:

Além de ser interessante e inovadora, a ação gerou muita mídia espontânea para o Hospital Amaral Carvalho e mostrou que a humanização é possível se juntarmos tecnologia, cuidados com a saúde e social media.  Com um monitoramenteo básico é possível ter dados desta ação. Confiram o print abaixo do tanto de menções ao Ursinho Elo, 84 mil:

busca ursinho elo
Foram mais de 84 mil menções em portais, sites e blogs de tecnologia, publicidade e social media, além de vários tweets:

tweets
A busca pelas palavras “Ursinho Elo”  traz outro resultado igualmente surpreendente. São mais de 665 mil menções.

ursinho Elo
Certamente, um case de sucesso da humanização da social media, não?

Marcia Ceschini – Especialista em Gerenciamento de Marketing, Coordenadora de Projetos Digitais na WSI Consultores, Idealizadora e Gestora do Papos na Rede.

O universo da internet na internet

Category : Comunicação Digital, tecnologia/inovação

Captura de Tela 2014-02-19 às 15.52.00

Por  Fastcom* 

Na internet, estamos acostumados aos rankings. Eles podem listar recordes, trazer curiosidades ou também trazer os sites mais acessados do mundo. Já pensou se cada site da Rede Mundial de Computadores fosse um astro do universo ou um pingo de tinta daqueles famosos quadros do artista contemporâneo Pollock? Pois é, é exatamente o que criou um designer ao compilar vários sites na mesma tela do computador.  Os mais acessados do mundo.

O verdadeiro emaranhado de sites, chamado basicamente de The Internet Map, foi idealizado pelo designer russo Ruslan Enikeev, que se utilizou de algoritmos do Google Earth para o resultado final. Há a possibilidade de diminuir e aumentar o zoom, navegar por toda a página com a ajuda do mouse, filtrar resultados pelo campo de busca, e ao clicar no campo do site, é possível visualizar o ranking de acesso Alexa – ferramenta de mensuração online – e visualizar o percentual estimado de usuários que visitam o endereço.

Ao todo, este mapa da internet traz 350 mil sites da web, sendo eles de 196 países diferentes. É importante lembrar que os gráficos e cores dispostos neste universo digital têm um propósito: os círculos maiores são o que possuem mais audiência, enquanto que os menores são os que possuem menos audiência. As cores, são determinadas de acordo com o país de domínio do site. Por exemplo, as páginas do Brasil recebem o tom amarelo como representação e os sites norte-americanos, o azul-claro. (clique na imagem para ampliá-la)

 

Captura de Tela 2014-02-19 às 15.51.40

Na página sobre o projeto, Enikeev dá uma breve explicação de como realizou o trabalho e até se utiliza da física e da matemática para isso. No final, o designer enfatiza o seu principal objetivo. “O mapa do Internet é uma tentativa de olhar para a estrutura escondida da rede, compreender sua escala colossal, e examinar o que é impossível entender a partir das estatísticas.”

Para quem se interessou, também é possível doar dinheiro para o projeto.

 * FastCom - Agência de Marketing Digital

 

 

Shoppers e as mudanças no processo de decisão de compra

Category : atendimento/consumidor, comportamento, tecnologia/inovação

Por: Vinicius dos Santos

sneaker-pimps1

Hoje, as lojas já compreendem que se faz necessário investir em tecnologia para acompanhar esse novo surgimento do consumidor no ambiente digital. Entender as atitudes, motivações e comportamentos do shopper são cruciais para criar uma rota que o direcione para sua estratégia. Agora, os consumidores exigem cada vez mais respostas objetivas dos varejistas. Segundo Julio Gomes, diretor de consultoria da Kantar Retail, “decisão de compra não está mais apenas no ponto de venda e sim na trajetória percorrida até lá”, Então, os shoppers neste momento estão se informando por diversos canais de relacionamento, seja um pouco fisicamente ou mesmo online, assim, aquele varejo que fizer isso de uma forma eficaz e eficiente terá um diferencial em relação seus concorrentes.

Os shoppers ominichannel neste momento querem uma ótima experiência de compra, poder testar o produto, conhecer a opinião de outras pessoas nas redes sociais, conseguir descontos e se sentirem únicos, exigindo que as empresas tenham políticas unificadas e integradas. Assim, facilita a experiência gerando conversões de vendas mais “verdadeiras”, pois trabalhando todas estes novos ambientes e criando microtargets, intuitivamente a geração de lembrança de marca no momento de decisão de compra seja em uma loja física ou online é mais assertiva.

Entender os passos de decisão de compra, a partir do conceito de ZMOT(Zero Moment of Truth), para se tonar um buyer é muito importante. Após o estímulo por propagando, temos a primeira etapa o ZMOT que o momento de pesquisa, busca e conteúdo. A organização precisa estar preparada, utilizando-se de ferramentas como SEO e SEM para melhores colocações nas buscas, e claro que aplicando com content marketing criando e disseminando conteúdo útil e relevante para um público-alvo. Assim, formando uma audiência interessada e segmentada, que posteriormente pode ser convertida em novos clientes. No FMOT a empresa precisar ter o conhecimento do que está falando, criando relevância e influência, se tornando referência no mercado ou nos territórios que atua, estabelecendo laços e criando vínculos que despertem emoções e sentimentos, entre consumidor e marca. Já no SMOT é novo cenário que se criaram os “showroomers”, que são consumidores que frequentam uma loja física, criando uma experiência com o produto por meio do smartphone ou tablet, promovendo que um varejista invista mais na inteligência de negócio.

É muito importante que estes itens estejam integrados e unificados, pois os esforços precisam estar muito bem definidos para que não decepcione os consumidores, pois todo o percurso percorrido pelo shopper é muito importante estar presente e ser monitorado de perto para correção de erros e melhorias no relacionamento.

Criatividade é tudo

Category : mídias sociais, tecnologia/inovação

Por Leandro Cardoso*

Uma prova de que por mais concorrido que esteja o mercado publicitário, a criatividade é uma grande aliada, basta ver essa excelente ação criada pela consagrada agência Ogilvy da Alemanha em conjunto com uma grande gravadora a Kontor Records. Os criativos apostaram no marketing digital e a ação foi premiada com um Leão de Ouro em Cannes.

Para surpreender  produtores musicais cansados de receber amostras ( os chamados discos demos),  de novos artista em CDs e MP3s, a música era apresenta de uma maneira bem diferente, era entregue  o bom e velho vinil, o LP.

Acompanhando o LP, a embalagem se transforma em  uma vitrola portátil, bastando apenas seguir as instruções e utilizar um smartphone com leitor de QR Code para acessar o conteúdo.

Confira no vídeo a reação dos produtores ao receber o material:

Dica do Dj Lab Blog

Leandro Cardoso  – Web Designer, Marketing Digital e apaixonado por Redes Sociais, SEO, Internet e tecnologias.

 

Pesquisa: Orientações e rumos para o mercado da Comunicação Digital

Category : Comunicação Digital, tecnologia/inovação

O Papos na Rede da última quarta feira foi com o Rafael Malhado, do Papo de Mídia, que falou sobre  Pesquisa: Orientações e rumos para o mercado da Comunicação Digital, no webinar do Treina TOM.

Quem participou conferiu que o notebook do Rafael estava com um problema no som. Ele se comprometeu a gravar um vídeo e passar para disponibilizarmos aqui no blog e segue abaixo:

 

Os slides utilizados por Rafael foram esses:

Os links das pesquisas citadas no webinar foram: